17 de abr de 2016

BRONQUITE

Alguns de vocês já devem ter escutado algum assunto por ai sobre Bronquite, infelizmente eu possuo e vou, realmente é muto desagradável, uma sensação muito ruim, a bronquite consiste em inflamação nas principais vias respiratórias que, clinicamente a bronquite e classificada em dois tipos aguda, que apresenta os sintomas com duração curta e a crônica que apresenta os sintomas de longa duração.

Os grupos de maiores riscos são idosos, bebês e crianças, pessoas com problemas cardíacos, pulmonares e fumantes, também correm o risco da bronquite.

Eu sempre tive Bronquite, desde criança,
talvez por ter imunidade baixa contra o vírus que afeta o organismo, e isso incomodava e ainda incomoda bastante o dia-a-dia, porque não tem hora nem lugar para que o vírus afete meu corpo, claramente hoje diminuiu cerca 80% ou seja, quando criança os ataques da Bronquite eram muito mais consistentes, qualquer tipo de fumaça afetava, me lembro até hoje do pior ataque que eu tive, foi na casa do meu tio, onde estava havendo um churrasco, estavam acendendo a churrasqueira, e quando eu comecei a descer a escada pra chegar até o quintal da casa dele aquela imensidão de fumaça da churrasqueira veio bem na minha face, e então foi questão de minutos para que a Bronquite atacasse, e foi tão forte que eu achava que iria morrer, a respiração era minima, meu tio é praticamente meu vizinho, então consegui chegar em casa e minha mãe preparou correndo o inalador com remédio para que as vias respiratórias voltassem ao normal, e em poucos minutos já estava bem novamente. 
Isso ocorre porque o inchaço é muito e respirar fica quase impossível!

Veja na imagem abaixo das vias respiratórias normais (sem bronquite) e com infecção da Bronquite e entenda o porque a falta de ar é tão imensa.


A causa da Bronquite Aguda: Geralmente é causada por um vírus, a doença de costume é acompanhada de outra infecção viral respiratórias como gripes e resfriados, a bactéria causa uma infecção nas vias respiratórias causando inchaço e dificultando a respiração. 

A causa da Bronquite Crônica: O fumo é um dos principais causadores da Bronquite Crônica, além da poluição e emissão de gases tóxicos no meio ambiente, no ambiente de trabalho também pode estar presente vírus que causam a Bronquite Crônica.
Q Bronquite Crônica é um tipo de  Doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC). 


Fatores de risco:

Alguns fatores são considerados de risco por médicos. Segundo eles, eles podem ajudar no desenvolvimento de bronquite. Confira:
  • Fumo: o hábito de fumar pode elevar os riscos de uma pessoa desenvolver tanto a bronquite aguda quanto a crônica
  • Imunidade baixa: este fator de risco costuma ser uma consequência de outra doença aguda, como a gripe, ou ainda de uma condição crônica, como Aids
  • Idade: idosos, crianças pequenas e bebês têm mais riscos de contrair a infecção
  • Exposição a agentes irritantes: as chances de contrair a doença é maior se você trabalha com gases ou outros agentes que possam causar irritação nos pulmões
  • Refluxo gástrico: doenças que causam refluxo gástrico e azia podem aumentar as chances de a pessoa desenvolver bronquite.

Sintomas de Bronquite:

Os sintomas da bronquite, tanto aguda quanto crônica, são:
  • Tosse com presença de muco
  • Ronco ou chiado no peito
  • Fadiga
  • Dificuldade para respirar e falta de ar
  • Febre e calafrios
  • Desconforto no peito.


Tratamento de Bronquite:

Muitos casos de bronquite resolvem-se sozinhos, sem o uso de medicamentos, e os sintomas desaparecem em cerca de duas semanas. Mas algumas vezes o médico poderá lhe prescrever alguns remédios específicos, como:
  • Antibióticos, em caso de infecção bacteriana, apesar de a maioria das bronquites serem causadas por vírus
  • Xaropes para tosse
  • Antialérgicos, medicamentos para asma ou outras doenças pulmonares obstrutivas crônicas (DPOC) também podem ser receitados caso o paciente apresente alguma dessas condições.
Se os sintomas da bronquite não desaparecerem, seu médico pode prescrever a você um inalador para abrir as vias respiratórias, caso você esteja com chiado no peito.

Eu uso Inalador desde criança e funciona muito bem, eu uso soro fisiológico com um antibiótico chamado Bromidrato de Fenoterol, quando a Bronquite ataca muito forte uso 15 a 20 gotas com 3 a 4 ml de soro. 
Somente um médico pode dizer qual o medicamento mais indicado para o seu caso, bem como a dosagem correta e a duração do tratamento. Siga sempre à risca as orientações do seu médico e NUNCA se automedique. Não interrompa o uso do medicamento sem consultar um médico antes e, se tomá-lo mais de uma vez ou em quantidades muito maiores do que a prescrita, siga as instruções na bula.
Caso não aparenta melhora, procure um posto médico, informe o ocorrido e eles darão inalação para você, pra quem não sabe, a inalação dos postos são muito mais fortes e tratam melhor da Bronquite caso o inalador caseiro não de conta de combater o vírus.
Quando criança fui bastante no posto, pois os ataques eram muito fortes, chega a dar uma leseira no corpo após a inalação, então quando sair do posto se alimente bem.

Pergunta: Bronquite tem cura?
Resposta: Sim, bronquite tem cura. É trabalhoso para o médico a para o paciente, mas tem cura sim.
Um alergologista pode te deixar livre desta bronquite.

Conhece alguém com uma das Bronquites? Comente abaixo e me passe a experiência.


Nenhum comentário

Postar um comentário

Não ofender nos comentários.

Layout Free - Design e Desenvolvimento por: Adorável Design